Destaque

Dia Mundial sem Tabaco: 30% dos cânceres estão relacionados ao fumo, afirma especialista

Dia Mundial sem Tabaco: 30% dos cânceres estão relacionados ao fumo, afirma especialista
Geovanni

medicosmanaus-cancerO cigarro é o fator de risco isolado com maior influência nas mortes por câncer e problemas cardiovasculares no mundo. No Dia Mundial sem Tabaco, comemorado nesta terça-feira, 31, a Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), unidade vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (Susam), realizou um ciclo de palestras envolvendo dezenas de estudantes do ensino médio, com o objetivo de conscientizá-los sobre os malefícios ocasionados pelo fumo, que tem atraído pessoas cada vez mais jovens.
“Cerca de 30% dos casos de câncer estão relacionados ao tabagismo e, quando falamos de câncer de pulmão, esse percentual chega a 90%. O combate e a prevenção devem ser iniciados ainda na fase escolar, evitando que as crianças de hoje tornem-se nossos pacientes no futuro”, destacou o diretor-presidente da FCecon, cirurgião oncológico Marco Antônio Ricci.
Segundo a coordenadora do Departamento de Prevenção e Controle do Câncer (Dpcc-FCecon), enfermeira Marília Muniz, o Governo do Estado vem ampliado a política de atenção oncológica no Amazonas e as ações relacionadas à prevenção. “Desenvolvemos anualmente uma série de ações voltadas à prevenção, que envolvem palestras em escolas, e fábricas do distrito, ações de rua e campanhas mas robustas, como é o caso do Outubro Rosa, por exemplo. Acreditamos que esse trabalho, além de levar informação às pessoas, contribui com a educação e forma agentes multiplicadores”, destacou.
Palestrante convidado, o cardiologista Aristóteles Comte Alencar falou sobre a importância das campanhas encabeçadas da década de 1970 para cá, com o objetivo de levar ao conhecimento da população, os males causados pelo fumo. De acordo com ele, de cada 100 pessoas com câncer de pulmão, pelo menos 90 foram dependentes do cigarro. “As doenças cardíacas e o câncer são as maiores causas de mortalidade no mundo. Cerca de 50% dos infartos estão relacionados ao tabagismo, além de 30% dos AVCs (Acidentes Vasculares Cerebrais). Daí a importância de se combater esse hábito, que pode e deve ser totalmente banido da sociedade”, ressaltou.
Ele explicou que o Programa de Controle do Tabagismo, fundado há alguns anos no Amazonas, surtiu resultados expressivos, com a redução do número de fumantes no Estado. “O Amazonas mostrou o maior número de pessoas que abandonou o cigarro e isto se deve a esse programa, que foi descentralizado para capacitar agentes dos municípios”. Atualmente, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), parceira da causa, conta com 20 ambulatórios do fumante, divididos entre todas as zonas da capital.
Características – O cardiologista explica que o tabagismo é considerado uma doença crônica, cuja dependência química implica na retomada do hábito em casos de recaída. “A nicotina chega ao cérebro em cinco segundos, liberando a dopamina, que provoca sensação de bem-estar. Quando acaba, o dependente precisa fumar novamente, gerando assim um ciclo vicioso”, explicou Dr. Aristóteles.
Além da nicotina, o cigarro tem outras diversas substâncias em sua composição, entre elas, o alcatrão, que concentra as substâncias cancerígenas e é altamente nocivo à saúde; e o monóxido de carbono, que compete com o oxigênio no organismo e é o principal causado de doenças cardiovasculares.
A principal dica para quem quer largar o tabaco é, segundo o especialista, se distrair com alguma atividade nos momentos de abstinência, evitar o consumo de café, distrair-se e conscientizar-se que a vontade dura apenas cinco minutos. Ele acrescenta que é importante procurar ajuda psicológica e profissional, pois deixar de fumar subitamente é mais difícil.
O evento na FCecon contou, ainda, com a participação do mastologista Manoel Jesus Pinheiro, que falou sobre a prevenção aos mais diversos tipos de câncer e os fatores de risco associados à doença; e a assistente social Leila Firmo de Aguiar, que deu dicas sobre alimentação saudável.
FOTOS: VALDO LEÃO/SECOM

Comentários

Comentários

Destaque

More in Destaque

Revolta Nacional: Filho se explica após ser preso por agredir a mãe

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Boatos espalhados pelo WhatsApp causam a morte de 7 pessoas

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

PF desarticula grupo criminoso que desviou recursos das obras do Mané Garrincha

Jornal de Humaitá24 de maio de 2017

Polícia apreende 20 kg de maconha do tipo skunk no bairro Glória

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Alessandra Campêlo articula reunião no Comando da PM para discutir promoções

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Deputado Cabo Maciel quer rever portaria que deixa policiais militares desarmados

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Seduc fará encontro com a temática: Estratégias de Educação Alimentar e nutricional para professores de Ensino Fundamental 1

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

SEDUC realiza o 4º aulão do Amazonas no Enem sem Fronteiras acontece neste sábado, 20

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Esporte tem programação especial no aniversário de 148 anos de Humaitá; confira

Jornal de Humaitá15 de maio de 2017
%d blogueiros gostam disto: