Destaque

No retorno a Manaus, Michel Sassarito comemora vitória no Jungle Fight e mira conquista da cinta

No retorno a Manaus, Michel Sassarito comemora vitória no Jungle Fight e mira conquista da cinta
Geovanni

Michel Sassarito comemora vitória no Jungle Fight.

Michel Sassarito comemora vitória no Jungle Fight. Foto: MAURO NETO

Depois da derrota sofrida no Jungle Figth 85 no início do ano, o lutador amazonense Michel Sassarito deu a volta por cima e conquistou a vitória na edição 86 do maior evento de MMA da América Latina.

A luta ocorreu na noite do último sábado, dia 30, em Palmas (TO). A consagração do lutador manauense veio ainda no primeiro round ao nocautear o brasiliense, Diogo Fofão. Sassarito chegou a Manaus na madrugada desta terça-feira, dia 3, e na tarde de hoje esteve na sede da Secretaria de Estado, de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), na Vila Olímpica de Manaus, no bairro Dom Pedro I, zona centro-oeste, para agradecer o apoio concedido pelo Governo do Amazonas, por intermédio da Sejel.

“Foi uma luta dura, valeu todo ‘camp’ que tive com a minha equipe. Fiz um bom trabalho e graças a Deus trouxe a vitória para o Amazonas. Estou muito feliz com o resultado, deu tudo certo”, disse o lutador, que com a vitória ainda se credenciou para disputar o cinturão dos leves (até 70kg), no próximo evento.

Sassarito espera disputar o cinturão, se possível, em Manaus mesmo e quer sair vitorioso diante da cidade que nasceu. “Quero sair vitorioso diante da minha cidade, da minha família e de toda minha equipe. E vamos pedir do Wallid (Ismail, presidente do Jungle Fight) para que esta disputa seja aqui”, declarou o lutador, que derrubou Fofão aos 4 minutos 58 segundos do primeiro round.

Quanto ao desafiante do cinturão dos leves, Sassarito não sabe quem será o oponente, mesmo assim, já vai dar início à preparação visando a conquista inédita da cinta do JFC. “Estamos tentando fechar a luta aqui em Manaus. Aqui o clima é diferente e se vir para Manaus, no mês de junho ou julho, dessa vez o cinturão será meu. Estou muito otimista para esta conquista. Vou saber se vai ser o Rander Junior, que me venceu, ou o Erick ‘Parrudo’. Acho que ele (Erick) ainda está se recuperando”, frisou o lutador.

Próximos desafios

Sem data, local e adversário definido, Sassarito poderá lutar o Rei da Selva no dia 21 deste mês. O lutador ainda espera a liberação dos treinadores. “Vou aguardar a resposta do mestre para saber se eu vou lutar ou não”, finalizou.

*Jornal de Humaitá – Com informações da assessoria.

Comentários

Comentários

Destaque

More in Destaque

Revolta Nacional: Filho se explica após ser preso por agredir a mãe

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Boatos espalhados pelo WhatsApp causam a morte de 7 pessoas

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

PF desarticula grupo criminoso que desviou recursos das obras do Mané Garrincha

Jornal de Humaitá24 de maio de 2017

Polícia apreende 20 kg de maconha do tipo skunk no bairro Glória

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Alessandra Campêlo articula reunião no Comando da PM para discutir promoções

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Deputado Cabo Maciel quer rever portaria que deixa policiais militares desarmados

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Seduc fará encontro com a temática: Estratégias de Educação Alimentar e nutricional para professores de Ensino Fundamental 1

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

SEDUC realiza o 4º aulão do Amazonas no Enem sem Fronteiras acontece neste sábado, 20

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Esporte tem programação especial no aniversário de 148 anos de Humaitá; confira

Jornal de Humaitá15 de maio de 2017
%d blogueiros gostam disto: