Inicio

Fábio Trindade se prepara para RFA 40 nos Estados Unidos e mira a consolidação da carreira no exterior

O amazonense Fábio Trindade continua conquistando espaço no mundo mais que competitivo do MMA norte-americano. Figura conhecida do Jiu-Jítsu e das artes marciais mistas do Amazonas, o “casca grossa” segue treinado e competindo nos Estado Unidos. Desta vez, o atleta que recebe apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), terá pela frente o Resurrection Fighting Alliance (RFA 40), em San Antonio, no Texas, no próximo dia 29 de julho, com transmissão ao vivo para vários países.

 O amazonense chamou atenção do público americano depois de fazer uma luta no dia 17 de junho, em que acabou sendo desclassificado pelo americano Charlie Ontiveros, no Fury Fighting Championship (FFC).  “Chamei atenção de todos nos Estados Unidos depois de lutar com o Charlie Ontiveros, muito conhecido no país e que já participou do Bellator. Fiz uma luta dura, boa, mas acabei sendo desclassificado pois num determinado momento eu tirei o braço e pisei sem querer no rosto do meu adversário. Todos viram que não pegou direito, mas o oponente valorizou, pois estava perdendo”, relatou o lutador, que logo após recebeu do empresário do lutador Anderson Silva, Jorge “Joinha” Guimarães, o convite para o RFA.

 “Minha equipe estava em busca de mudar o resultado contra o Ontiveros para no contest, sem resultado, mas recebi o convite do empresário do Anderson Silva e estou me preparando bem. Isso, para mim, significa reconhecimento. Ou seja, apesar do fato da desclassificação, eu fiz uma boa luta. Além disso, todos falam que o presidente do UFC, Dana White, assiste o RFA, mas isso pouca importa. O importante é que estou fazendo o meu trabalho e bem, do jeito que sei fazer e o resto é consequência”, declarou.

Adversário experiente

 A luta de estreia no RFA será contra o norte-americano Chris Lopez, 30, natural do Texas. O embate com o dono da casa, na categoria meio-médio até 77Kg, não intimida o Manauara. “O RFA é um evento bem grande nos Estados Unidos e está entre os cinco melhores do mundo. O evento vai ser transmitido para o Brasil, pelo Esporte Interativo, e para vários países. Já conheço o Chris Lopez, já treinei com ele algumas vezes, e vou usar meu jiu-jítsu e colocar ele para baixo”, explicou.

 Há mais de um mês nos Estados Unidos, Trindade tem treinado incansavelmente para o confronto, onde tem recebido apoio de lutadores brasileiros. “Estou treinando na academia Team Chute Boxe, aqui em Houston, no Texas, com o Evangelista Cyborg. Estou dormindo na academia, treino e ministro aulas de jiu-jítsu; praticamente é o dia todo treinando. É guerra todo dia, e estou bem confiante. Sinto que vai ser um show no dia 29 de julho”, avisou.

FOTOS: ANTONIO LIMA/SEJEL