Amazonas

Governo do Amazonas faz 1ª revisão do Plano Plurianual (PPA) 2016

Governo do Amazonas faz 1ª revisão do Plano Plurianual (PPA) 2016
Geovanni

Seplan-CTI

FOTO: DIVULGAÇÃO/SEPLAN-CTI

Gestores e técnicos do Governo reuniram-se na manhã desta terça-feira, 19 de julho, na Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplan-CTI) para receber orientações acerca da 1ª revisão do Plano Plurianual 2016, o projeto de planejamento de médio prazo do Estado do Amazonas. Depois das etapas de alinhamento, ajuste e análises, o projeto do PPA será encaminhado para a apreciação dos deputados na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM), onde deve ser votado até o próximo dia 31 de outubro.

O PPA é um instrumento fundamental de planejamento da administração pública, que define diretrizes e metas para os governantes por um período de quatro anos. Sob a responsabilidade da Seplan-CTI, a  construção do PPA iniciou em 2015 e teve como um dos eixos prioritários de intervenção a interiorização do desenvolvimento com foco em projetos estratégicos, como a criação de peixe em cativeiro, fomento da indústria de fertilizantes e a exploração de riqueza mineral, entre outros recursos.
Outro ponto de debate foi a diversificação e ampliação da atividade econômica na capital e em seu entorno. O plano como um todo buscou fortalecer investimentos em áreas básicas de atendimento ao cidadão, como saúde, educação, área social e  segurança. Na etapa de consulta à sociedade, fundamental para a elaboração do PPA, 35 cidades do interior tiveram atendimentos presenciais e colaborações intermediadas pelo Centro de Mídias da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) para o encaminhamento de propostas ao projeto.
Na abertura da reunião de trabalho, o secretário de Estado de Planejamento, Thomaz Nogueira, pediu aos gestores que mantenham o foco nas atividades dos órgãos que são realmente essenciais. “Mais do que nunca é preciso ter foco, objetividade, operações administrativas enxutas”, destacou ao fazer uma avaliação sobre o quadro da crise que atinge a economia do País. O secretário lembrou que o Amazonas é um dos poucos estados que está conseguindo honrar compromissos com fornecedores e servidores às custas de um “esforço monumental” do Governo  que incluiu cortes de gastos em todas as instâncias.
“O PPA não pode ser apenas o cumprimento de uma obrigação legal e burocrática, precisamos ter um planejamento que reflita a realidade que vivemos e a indicação de caminhos para o atendimento das necessidades da população”, resumiu.
Nova matriz econômica – Thomaz Nogueira aproveitou o encontro com os gestores para chamar atenção ao projeto de construção da Nova Matriz Econômica Ambiental, que está sendo elaborado pela Seplan-CTI em parceria com a Sepror, Semas e Ipaam, o qual busca alternativas de desenvolvimento econômico com melhor aproveitamento do recursos naturais do Estado, nas áreas de fármacos, cosméticos, fruticultura e piscicultura.

Comentários

Comentários

Amazonas

More in Amazonas

PDT festeja 35 anos de história nesta quinta-feira

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Alessandra Campêlo e Maria do Teixeirinha unidas por Canutama

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Prevenção à intolerância é tema de Mesa Redonda na Aleam

Jornal de Humaitá23 de maio de 2017

Polícia apreende 20 kg de maconha do tipo skunk no bairro Glória

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Alessandra Campêlo articula reunião no Comando da PM para discutir promoções

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Universo infantil na música erudita está em ‘Canções de Ninar’, quarto espetáculo da série Recitais Ambev

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Empresas com IPVA em atraso são notificadas pela Sefaz

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Maués cria política inovadora para aumentar produção do guaraná

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017

Policiais militares de Boa Vista do Ramos detêm integrantes de bando criminoso

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017
%d blogueiros gostam disto: