Cidades

Lendas amazônicas inspiram criação de jogo de tabuleiro cultural

Lendas amazônicas inspiram criação de jogo de tabuleiro cultural
Geovanni

Um jogo de tabuleiro inspirado em lendas amazônicas foi desenvolvido no curso de Design da Faculdade Fucapi com o foco na aprendizagem sobre a cultura regional. Intitulado ‘Caminhando nas Lendas’, o produto foi desenvolvido sob a orientação da professora Marcella Farias e com realização de um grupo de alunos.

01De acordo com a professora Marcella Farias, o projeto teve início a partir de um trabalho acadêmico realizado no terceiro período da disciplina de ‘Projeto de mídias interativas’. “A proposta foi a de criar um jogo de tabuleiro, com temática livre, que utilizasse o Design Thinking como metodologia de desenvolvimento e os princípios do design emocional para criar uma relação diferenciada com o público-alvo do produto”, explicou Farias. O Design Thinking é uma forma de abordagem tomada do campo do design e adaptada às empresas e corporações. Literalmente, o termo significa “pensamento do design”, ou pensar como designer.

Segundo uma das alunas que desenvolveu o jogo, Jennyfer Oliveira, o objetivo do jogo é de proporcionar a interação, por meio do contato pessoa-pessoa, a partir de um desafio em tabuleiro, resgatando valores culturais amazônicos. A ideia é promover diversão, alegria e fascinação pelos vários elementos que podem compor este universo em particular.

“Desenvolver este projeto proporcionou a aplicação dos conhecimentos adquiridos na disciplina de forma prática, além da compreensão das problemáticas e o encontro de possíveis soluções, e a realização de testes para validar a eficácia e eficiência do jogo com seus usuários”, completou a estudante.

Como funciona o jogo

02O tabuleiro contém uma ‘trilha’ onde os aventureiros vão enfrentar perigos e irão passar por testes até chegar ao glorioso final. Durante a partida, o jogador irá se deparar com imagens que fazem referências ao verde das florestas, cestarias tipicamente indígenas, lendas, embarcações que cortam os rios e florestas no jogo e trechos de histórias. O protótipo do jogo é composto por embalagem, tabuleiro, cartas, pinos e outras peças complementares e o manual de instruções.

Participação em Congresso

A experiência do desenvolvimento do jogo gerou o artigo científico ‘Caminhando nas Lendas: uso do design thinking para desenvolvimento de jogo de tabuleiro cultural’, que será apresentado pela professora Marcela e pela aluna Jennyfer, na 12ª edição do P&D – Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design, em Belo Horizonte nos dias 04 a 07 de outubro de 2016 pelas duas autoras do trabalho.

Anne Karoline Nogueira  – Estagiária de Jornalismo
Cristiane Barbosa – Edição

Comentários

Comentários

Cidades

More in Cidades

Nova coleta sorológica será realizada em rebanho de 12 municípios no Amazonas

Jornal de Humaitá18 de maio de 2017
Foto: Chaguinha

Milhares comemoram aniversario de 148º anos de Humaitá (AM) com Antony & Gabriel

Jornal de Humaitá15 de maio de 2017

Amazonas se mobiliza para vacinar 900 mil pessoas

jornal de Humaitá14 de maio de 2017

Estudo que tem apoio da Fapeam utiliza resíduos de pirarucu na criação de ração para galinhas poedeiras

Jornal de Humaitá12 de maio de 2017

Seap e PM apreendem estoques e celulares durante revista no Ipat

Jornal de Humaitá11 de maio de 2017

Delegado de Autazes deflagra operação Interior Seguro e recaptura foragido da unidade policial

Jornal de Humaitá9 de maio de 2017

Alunos são dispensados por falta de merenda em escolas de Humaitá-AM

Jornal de Humaitá9 de maio de 2017

Delegação amazonense segue para Brasileiro Adulto de Levantamento de Peso, em Belo Horizonte

Jornal de Humaitá9 de maio de 2017

Prefeitura diz que “oposição não precisa plantar bananeira nas ruas de Lábrea-AM”

Jornal de Humaitá8 de maio de 2017
%d blogueiros gostam disto: