Jornal de Humaitá

SSP-AM realiza palestras de conscientização sobre uso de drogas

SSP-AM realiza palestras de conscientização sobre uso de drogas
Geovanni

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) deu início à série de palestras do projeto “Crack, é possível vencer”, do Governo Federal. Nesta terça-feira, a palestra “Drogas lícitas e ilícitas: causas e consequências das drogas” foi ministrada pelo Programa de Prevenção a Violência e Combate ao Uso de Narcóticos e Entorpecentes (Previne), 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e Ordem de Capelães do Amazonas (OCA).

As palestras acontecem na Escola Estadual Vasco Vasques, localizada no bairro Jorge Teixeira, zona Leste da cidade, e têm o objetivo de esclarecer dúvidas e orientar alunos sobre o uso de drogas e suas implicações para a violência. As atividades fazem parte do segundo eixo do projeto “Crack, é possível vencer”, o Eixo Prevenção. Divididas em três eixos, Autoridade, Prevenção e Cuidado, as ações do projeto iniciaram no dia 19 de setembro com o Eixo Autoridade, por meio de operações repressivas no Jorge Teixeira.

Durante as palestras nas salas de aula, são exibidos vídeos com demonstrações dos efeitos das drogas. Na oportunidade, os alunos tiram dúvidas e recebem cartilhas e folders com orientações dos danos físicos que as drogas causam ao corpo e práticas saudáveis para evitar o uso de drogas.

Trabalho integrado – De acordo com o coordenador do Previne, Divanilson Cavalcante, a finalidade das atividades desta semana é trabalhar de forma integrada, visando a conscientização de alunos e da comunidade em geral no que se refere ao uso de drogas. “Nosso objetivo é criar vínculos entre a família, escola, os jovens, as instituições e a segurança, visando diminuir os fatores de risco e aumentar os fatores de prevenção, por meio de palestras, conscientização, buscando encaminhar nossos jovens para uma boa formação” afirmou.

Segundo a psicóloga do 14° DIP, Ana Carla Martins, está cada vez mais frequente o envolvimento de adolescentes entre 13 e 18 anos com as drogas, devido à falta de acompanhamento dos pais e responsáveis e por falta de orientação nas escolas. “Quando há uma lacuna da vida do adolescente seja por ausência dos pais, problemas na escola, no meio de convívio, a droga é a primeira coisa que ele procura para substituir alguma coisa e quando os pais ou responsáveis percebem isso, já se passaram 2 a 3 anos. A delegacia chega a atender um caso por dia de crianças/adolescentes envolvidos com drogas” disse.

Meta – A Escola Estadual Vasco Vasques é considerada a maior escola da região, onde estudam cerca de 1.800 alunos na faixa etária de 13 a 18 anos. As palestras contam com a participação de psicólogos, educadores e delegados e até o fim do ano pretendem atingir 5 mil pessoas no Jorge Teixeira.

Até esta quarta-feira (28), participam do ciclo de palestras: Conselho do Idoso, Corpo de Bombeiros, Ronda Maria da Penha, Pró-Vida, Formando Cidadão, Ordem dos Capelães do Amazonas, Defensoria Pública, Gabinete de Gestão Integrada (GGI), Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD), Programa de Prevenção à Violência e Combate ao Uso de Narcóticos e Entorpecentes (PREVINE) e Departamento de Programas e Projetos de Prevenção à Violência (DPPV).

Diminuição dos índices de crimes – Paralelo às atividades do Eixo Prevenção, as operações de repressão do Eixo Autoridade continuam ocorrendo. Desde a semana passada, quando o projeto “Crack, é possível vencer” começou a ser implementado, a SSP-AM registrou diminuição nos índices de criminalidade no Jorge Teixeira. Homicídios e ocorrências de uso e posse de drogas não foram registrados naquela área da cidade.

O lançamento do programa está previsto para acontecer no dia 4 de outubro, junto com as atividades do Eixo Cuidado, que visa oferecer aos grupos de risco apoio em todas as suas necessidades.

*Jornal de Humaitá – Com informações da assessoria.

Comentários

Comentários

Jornal de Humaitá

More in Jornal de Humaitá

PDT festeja 35 anos de história nesta quinta-feira

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Alessandra Campêlo e Maria do Teixeirinha unidas por Canutama

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Revolta Nacional: Filho se explica após ser preso por agredir a mãe

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Boatos espalhados pelo WhatsApp causam a morte de 7 pessoas

Jornal de Humaitá26 de maio de 2017

Ingressos para show de Ludmilla começam a ser vendidos pela internet

Jornal de Humaitá25 de maio de 2017

Menores apreendidos em Humaitá-AM são suspeitos de chefiar boca de fumo

Jornal de Humaitá25 de maio de 2017

PF desarticula grupo criminoso que desviou recursos das obras do Mané Garrincha

Jornal de Humaitá24 de maio de 2017

Cantor e vereador da Bahia ‘Igor Kannário’ diz que é mais autoridade que PM

Jornal de Humaitá23 de maio de 2017

José Ricardo cobra convocação dos aprovados do concurso da PM

Jornal de Humaitá23 de maio de 2017
%d blogueiros gostam disto: