Inicio

Veja video: Jacaré gigante é encontrado morto em Humaitá-AM

Na tarde deste sábado (4) o Jornal de Humaitá recebeu através do whatsapp, um vídeo impressionantes de um jacaré gigante que foi encontrando morto após emergir das águas barrentas do rio Madeira, em Humaitá, sul do Amazonas.

De acordo com populares o réptil foi encontrado morto nesta sexta feira (3), na balsa do principal porto hidroviário, no bairro de São José, após a remoção de troncos de arvores é lixo, retirados semanalmente por uma empresa especializada na remoção de entulhos.

Um jovem universitário informou que ficou impressionado com o tamanho do jacaré entre os galhos, e que achava que o réptil gigante estava morto a vários dias devido ao forte odor.

Moradores locais estimaram o tamanho do animal: 4,5 metros metros de comprimento e mais de 370 kg.

 “É um jacaré-açu, um dos maiores do mundo, chegando em média a 5,5 metros. Eles se alimentam principalmente de mamíferos, capivaras, boto, ariranha”, explicou um biólogo que estava no local.

Jacaré gigante do Ipixuna-AM

Em Julho de 2015 foi morto a tiros um jacaré gigante, cuja idade é estimada em 80 anos, pesava 575 quilos e media 5,4 metros,  o réptil teria matado 4 pessoas em maio, no rio Ipixuna próximo a vila de Pernambuco, no município de Ipixuna-AM.

Na época moradores da região disseram às autoridades, que havia relatos de quatro pessoas que teriam sumido e nunca mais foram encontradas, e que poderiam ter sido vítimas da fera.

Jacaré gigante encontrado em Ipixuna. Foto: Rodrigo Matheus

Jacaré gigante encontrado em Ipixuna. Foto: Rodrigo Matheus

Jacaré-açu

O jacaré-açu (Melanosuchus niger) é uma espécie de jacaré exclusiva da América do Sul. Também conhecido como jacaré-negro, é um predador de topo de cadeia alimentar. Exemplares adultos de grandes dimensões podem predar qualquer animal de seu habitat, inclusive outros predadores de topo, como onças, pumas, jibóias e sucuris, se forem surpreendidos por esses animais.

É a maior espécie de jacaré, podendo atingir até 4,5 metros de comprimento e mais de trezentos quilogramas. Porém já foram encontrados exemplares com mais de 5,5 metros de comprimento e possivelmente meia tonelada de peso.

*Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas.

ANÚNCIOS

Anúncios