Jornal de Humaitá

Falta de segurança digital pode ter proporcionado fraudes no FGTS

Falta de segurança digital pode ter proporcionado fraudes no FGTS
Geovanni

Por Bruno Prado*

Desde março até julho de 2017, milhões de pessoas vêm realizando o saque de contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). De acordo com a MP 763/16, todos os trabalhadores que pediram demissão ou que tiveram seu contrato de trabalho finalizado por justa causa até o dia 31 de dezembro de 2015 têm direito ao saque das contas inativas. Porém, ao tentar realizá-lo, muitos foram surpreendidos em várias partes do Brasil ao serem informados que o mesmo já havia sido feito.

O desvio das informações pode ter sido proporcionado por brechas de segurança digital nos dispositivos e computadores dos cidadãos, que tiveram dados pessoais interceptados por meio de arquivos maliciosos, os malwares. De acordo com dados do Nokia Threat Intelligence Report, o número de malwares criados para fraudar operações bancárias cresceu 400% em 2016 ante o ano de 2015. O maior alvo dos hackers são os usuários, ainda de acordo com a pesquisa, 81% das ameaças são voltados a sistemas operacionais mobile. Mas, apesar do grande foco ser o usuário final, as instituições também são vulneráveis.

A evolução digital permite que diversas companhias utilizem a tecnologia para facilitar processos e diminuir custos operacionais. Entretanto, os fraudadores e criminosos acompanham a evolução. Como as empresas e os consumidores estão cada vez mais conectados, criar e encontrar brechas sistêmicas tornam-se atividades frequentes por parte dos golpistas. De acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), os bancos investem cerca de R$ 20 bilhões por ano em tecnologias de segurança digital, visando diminuir o número de ataques e garantir a segurança durante a autenticação dos clientes.

Apesar do alto investimento, é necessário que as instituições bancárias reforcem as medidas de atualização da segurança virtual, pois é essencial o gerenciamento e a proteção dos dispositivos de acesso, por meio de soluções implementadas no smartphone ou de plataformas corporativas que garantem, de maneira remota, a integridade do sistema de acesso e autenticação.

Além dos bancos, a população também deve fazer a sua parte, conscientizando-se das boas práticas de navegação na web. Manter o sistema operacional sempre atualizado, possuir um antivírus igualmente em dia e que efetue a varredura em tempo real; acessar apenas sites confiáveis e que possuam certificados de segurança e abrir conteúdo enviado somente por pessoas conhecidas são maneiras práticas de manter o dispositivo particular e suas informações em segurança e, consequentemente, os valores disponíveis, tanto do FGTS quanto do saldo em conta corrente.

Para resguardar seus dados, a recomendação ao cidadão é sempre duvidar de qualquer mensagem de e-mail, SMS e em aplicativos de conversa que venham de remetentes suspeitos com arquivos em anexo ou links, utilizando apenas os canais oficiais do banco. É fundamental que tanto os usuários quanto as instituições façam o máximo para manter a segurança, evitando a ação criminosa de golpistas.

Comentários

Comentários

Click to add a comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Jornal de Humaitá

More in Jornal de Humaitá

Indústria de autopeças dá sinais de recuperação em 2017

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

PROSTITUIÇÃO E VIOLÊNCIA NA ESTRADA DE FERRO MADEIRA-MAMORÉ

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

Professor de Educação Física monta um projeto de um Glossário de Libras para ajudar na atividade escolar

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

Confira 6 filmes em que o amadurecimento vai te inspirar

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

Como pagar serviços turísticos no exterior de um jeito simples

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

Novo Centro Cirúrgico realiza procedimentos e fila de espera começa a diminuir

Jornal de Humaitá18 de agosto de 2017

Luiz Castro quer análise de contratos de cirurgias do Hospital Delphina Aziz

Jornal de Humaitá17 de agosto de 2017

Escola Estadual Prof.ª Adelaide Tavares de Macedo inaugura Web rádio na escola e disponibilidade para sistema Android

Jornal de Humaitá17 de agosto de 2017

Governador David Almeida entrega ala cirúrgica de Hospital e Pronto Socorro da Zona Norte

Jornal de Humaitá17 de agosto de 2017