Amazonas

Ministério da Saúde põem Humaitá na 16ª posição na lista das 24 cidades com maior risco de surto de dengue no Brasil.

Ministério da Saúde põem Humaitá na 16ª posição na lista das 24 cidades com maior risco de surto de dengue no Brasil.

Atualizado 28/01/2011

A notícias foi divulgada pelo Ministério da Saúde e já e destaque no site do Jornal Nacional

Humaitá-AM. Ministério da Saúde coloca Humaitá como único município Amazonense na lista das 24 cidades do Brasil com risco de surto da dengue. Outras três cidades completam a tabela da Região Norte entre elas; Porto Velho-RO, Rio Branco-AC, Epitaciolândia-AC.

As cidades em situação crítica registraram a presença de larvas do mosquito em mais de 4% das residências pesquisadas.

O Nordeste concentra o maior número de municípios com risco de surto. São dezessete no total, sendo dez em Pernambuco, quatro no Rio Grande do Norte e três na Bahia e três no Sudeste.

O Hospital Regional de Humaitá já está em alerta Máximo e estar encaminhado os casos de dengues já confirmados para o ministério da Saúde


DENGUE: Casos de dengue serão notificados em 24 horas

Os casos graves e as suspeitas de morte por dengue devem ser notificados em até 24 horas ao Ministério da Saúde. A determinação, publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União, estabelece ainda que nos casos de dengue tipo 1 e tipo 4, o aviso deve ser feito imediatamente ao ministério. Segundo o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o objetivo é identificar as diferentes formas da doença para evitar que os casos evoluam para quadros graves ou de mortes.

Ministro da saúde – Alexandre Padilha

“Nós queremos saber, diariamente, suspeita de óbito de dengue, qualquer caso de dengue grave ou dengue tipo 4 e queremos saber semanalmente como é que está a evolução dos casos de dengue em cada um desses municípios. Primeiro lugar, tipo de dengue 4, ter ações de controle químico do vetor, identificar como está clinicamente esta pessoa. E outro é em relação ao dengue tipo 1,que é o que está produzindo maior número de casos, que a gente possa de forma antecipada perceber se está aumentando o numero de casos nos municípios ou não.”

Ainda segundo o ministro Padilha, a notificação imediata pode ser feita por telefone, e-mail ou diretamente no site da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério. A regra vale, inclusive, para casos ocorridos em fins de semana e feriados

Redação: jornal de Humaitá

O conteúdo do site tem expressa autorização de publicação desde que informe a fonte.

Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas

Comentários

Comentários

Amazonas

More in Amazonas

José Ricardo volta a cobrar instalação da CPI da Saúde

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Safra do guaraná em Maués (AM) já rendeu 200 toneladas

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Em Manicoré, menor de 15 anos é apreendido pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e ameaça

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Polícia Militar prende homem suspeito de trocar tiros com facção rival em tapauá

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Urgente! Ônibus de Apuí(AM) com destino a Porto Velho (RO) capota

Jornal de Humaitá22 22America/Manaus novembro 22America/Manaus 2017

PM prende homem acusado de Latrocínio em Manicoré

Jornal de Humaitá20 20America/Manaus novembro 20America/Manaus 2017

Polícia Militar apreende contrabando de cigarros, Quelônios e cocaina em Manicoré- AM

Jornal de Humaitá20 20America/Manaus novembro 20America/Manaus 2017

PM PRENDE HOMEM ACUSADO DE ENTRAR EM SALÃO DE BELEZA E AMEAÇAR FUNCIONÁRIOS COM ARMA DE FOGO

Jornal de Humaitá20 20America/Manaus novembro 20America/Manaus 2017

Maués: Nova UBS tem capacidade para 300 atendimentos diários

Jornal de Humaitá19 19America/Manaus novembro 19America/Manaus 2017
Seja bem vindo.

Categorias

Arquivos

Copyright © 2017 Jornal de Humaitá