A Agência Nacional de Petróleo divulgou nesta sexta-feira o planejamento do governo federal para a exploração de óleo e gás no amazonas até 2014
Produção de Petróleo na base de Urucu no Amazonas (Luiz Vasconcelos/Acrítica)

A diretoria da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Magda Chambriard, afirmou nesta sexta-feira (12) que o Amazonas receberá investimentos de R$ 4,5 bi para exploração e produção de petróleo até 2014.

No último ano, foram investidos R$ 270 milhões em exploração na bacia do Solimões local onde há maior concentração de óleo e gás. A previsão para este ano é de R$ 650 milhões.
As empresas responsáveis pela exploração, Petrobrás e o consórcio HRT e Petro, trabalham em 1,3 milhão de quilômetros quadrados da bacia sedimentar que o Amazonas possui.
Os representantes das empresas exploradoras e da ANP afirmaram que o Amazonas é um estado promissor para a produção de petróleo e gás natural, que atualmente representa 2,5% da produção nacional. “O Estado do Amazonas tem o melhor óleo e o mais caro do Brasil”, conclui a diretora da ANP, Magda.
Com informações da assessoria de comunicação da Assembléia Legislativa

Fonte: Acrtica.com

Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas
Carregar mais artigos relacionado
Carregar mais em Amazonas
Comentários estão fechados.

Verifique também

Crescimento do PIB confirma acerto das reformas

A revisão da estimativa oficial de crescimento do PIB brasileiro, para 1,1% em 2017 e 3% e…