Diagnosticar os problemas que fazem da logística e do transporte de cargas os principais vilões no custo de produtos que têm como origem ou destino a Região Amazônia, mais especificamente a Zona Franca de Manaus. Esta é apenas uma das metas da 1ª Transpo Amazônia – Feira e Congresso Internacional de Transporte e Logística, lançada oficialmente em Manaus, no Studio 5, em evento que reuniu lideranças políticas, empresários e representantes das principais empresas que atuam no setor na região. A 1ª Transpo Amazônia acontecerá entre os dias 26 a 28 de junho em Manaus.

Na avaliação do diretor-presidente da Transportes Bertolini e presidente da Federação das Empresas de Logística e Transporte e Agenciamento de Cargas do Amazonas (Fetramaz), Irani Bertolini, é preciso repensar toda a estrutura existente na Amazônia uma vez que os preços dos fretes praticados entre São Paulo (SP) e Recife (PE) são os mesmos praticados entre a capital paulistana e Manaus. “Assim, como é possível que os mesmos produtos cheguem ao consumidor do Nordeste a preços menores do que aqueles praticados no Amazonas se o custo adicional não é do transporte?”, questiona.
         Ainda de acordo com o dirigente da Fetramaz – entidade que ao lado da Confederação Nacional do Transporte (CNT) promove a feira – também serão debatidas soluções para as principais dificuldades dos operadores do segmento rodoviário e rodo-fluvial de cargas na Região Norte, como as péssimas condições de estradas, segurança, excesso de burocracia, falta de pontos de apoio e a condição dos portos.
“Temos a questão das hidrovias que precisam ser melhoradas e das rodovias BR-319 (Manaus-Porto Velho) e BR-316 (Cuiabá-Manaus-Santarém), que poderiam reduzir em até dois dias as viagens até o Sudeste”, acrescentou Bertolini, ao afirmar que o segmento de transportes e logística tem um enorme potencial de crescimento na região e que grupos e empresas estrangeiras já estão atentos ao mercado local.  
AVALIAÇÕES
Presente ao evento de lançamento, o gestor da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Thomaz Afonso Nogueira, parabenizou os organizadores pela iniciativa e ressaltou em seu discurso a necessidade de debates sobre a ampliação e melhoria da eficácia dos modais utilizados na realidade amazônica. O tema também foi abordado pelo Secretário Estadual da Fazenda (Sefaz), Isper Abrahim, que garantiu o apoio do Governo do Amazonas ao desenvolvimento de políticas públicas que possam reduzir custos e prazos.
Para o almirante Antônio Carlos Frade, comandante do 9º Distrito Naval, os empresários que atuam na região são “heróis” diante das barreiras e dificuldade enfrentadas diariamente não apenas para transportar cargas e passageiros, mas também para levar o progresso e desenvolvimento ao interior. O oficial também afirmou que, nos próximos meses, a Marinha vai concluir os serviços da nova sinalização fluvial e da carta cartográfica da região.
O presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus), Ralph Assayag, afirmou que a 1ª Transpo Amazonia é uma oportunidade única para que se inicie uma nova era para a indústria e para o comércio da região Norte. “Um não existe sem o outro”, acrescentou.
A 1ª Transpo Amazônia também contará com a presença de empresários e líderes do setor de 18 países latino-americanos – Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai e Venezuela – que além de conhecer a região e avaliar possíveis negócios, participarão da Assembleia Geral da Câmara Interamericana de Transportes (CIT).
Além de fóruns, mesas redondas e exposições das principais empresas do setor, o destaque fica por conta da palestra “Pensamento Estratégico”, com o colunista das revistas Você S/A e Vida Simples (Editora Abril), Portal UOL e comentarista da Rádio Eldorado Eugênio Mussak. Mais informações sobre a programação e efetuar inscrições para a 1ª Transpo Amazônia (gratuitas), já está no ar o site oficial do evento: www.fetramaz.com.br/hotsite.
Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas
Carregar mais artigos relacionado
Carregar mais em Amazonas

Deixe uma resposta

Verifique também

Seduc abre inscrições para as escolas estaduais de tempo integral, com oferta de 4.907 vagas para 2018

Começa na próxima segunda-feira (4) e segue até sexta-feira (8), as inscrições para o Proc…