O governador Omar Aziz vai disponibilizar ajuda humanitária para as vítimas da cheia na cidade de Manacapuru (a 84 km de Manaus). O anúncio foi feito pela presidente do Fundo de Promoção Social (FPS) e primeira-dama do Estado, Nejmi Jomaa Aziz, durante a quinta edição do programa Escola Solidária, que beneficiou mais de 15 mil pessoas com serviços básicos de saúde, assistência social e cidadania nesta sexta-feira, 4 de maio, na Escola Estadual José Seffair.


Para apoiar os moradores do município que sofrem com a enchente, o governador Omar Aziz vai conceder cartão Amazonas Solidário no valor de R$ 400, cestas básicas e mantimentos, além da construção de pontes e elevados nas áreas atingidas. “O governador Omar Aziz está olhando com muito carinho esta situação e está muito preocupado com as famílias que foram afetadas pela cheia, mas elas não irão ficar desamparadas, pois as ações emergenciais já estão acontecendo”, enfatizou a primeira-dama.

Durante a visita, a presidente do FPS também ressaltou os investimentos que estão sendo realizados, como a pavimentação da área urbana e rural da cidade, com previsão para finalizar em outubro deste ano. Na área da saúde, o Governo Estadual está reformando a Maternidade Cecília Cabral e já entregou um ônibus adaptado às necessidades das crianças para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE).

Na área da segurança, será inaugurado ainda neste mês o novo prédio do 9º Batalhão da Polícia Militar da localidade. O Governo do Estado também já enviou para a corporação recebeu duas viaturas e novos equipamentos. Em relação à infraestrutura, vai ser realizada a duplicação da Rodovia AM-070, que interliga Manaus e Manacapuru, ainda neste ano, assim como a manutenção e recuperação das rodovias AM-352, em Novo Airão, e Carlos Braga, em Iranduba. Na área da assistência social será implantado o Programa Viver Melhor, voltado para famílias que possuem pessoas com necessidades especiais.

Nesta edição do programa Escola Solidária, foram oferecidos pela primeira vez atendimentos de cardiologia, dermatologia e exames de ultrassonografia. Para a estudante Débora Alves, 17, a novidade do exame de ultrassom na ação foi uma ajuda tanto para ela quanto para a mãe que há tempo necessitavam realizá-lo. “Esse exame é muito caro e não temos condições de pagar. Então foi uma boa oportunidade para mim e minha mãe fazermos”.

A próxima edição do Escola Solidária na Região Metropolitana de Manaus (RMM) vai acontecer na cidade de Itacoatiara, na próxima sexta-feira, dia 11 de maio. O programa vai retornar com as ações para a cidade de Manaus a partir do segundo semestre deste ano.

Ação emergencial – Após a ação em Manacapuru, a primeira-dama prosseguiu para Manaus, no bairro Presidente Vargas, na comunidade do Bariri, zona centro-sul, e comunidade da Sharp, zona leste, para verificar a continuidade das ações, obras de infraestrutura e a retirada de entulhos das áreas alagadas, conforme determinação do governador Omar Aziz dentro do plano emergencial de apoio às vítimas das alagações em Manaus.

O conteúdo do site tem expressa autorização de publicação desde que informe a fonte.

Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas
faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Amazonas

Leia mais

JAMBUBIER, CERVEJA AMAZÔNICA, PARTICIPA DE FEIRA NACIONAL

Festival Brasileiro da Cerveja em Blumenal – Santa Catarina é palco para apresentação da c…