• Na Liga espanhola jogou pelo Rayo Vallecano, Celta, Almería, Granada e Betis

Meia Braseileiro de Futebol Iriney Santos
Apresentação do Jogador Iriney no time Marlloca


Espanha – O meia brasileiro Iriney Santos da Silva (Humaitá, Brasil, 1981), apresentado como novo jogador do Mallorca, disse que vai trazer a sua “experiência” com o objetivo de ser promovido para a Primeira Divisão.”Jogar na segunda divisão para mim nunca foi um problema na minha vida eu nunca tive nada fácil e eu gosto de projetos e objetivos difíceis. Fato vir a Mallorca é do interesse do Sr. (Lorenzo) Serra Ferrer, que é agora “, disse Iriney, ex-futebolista Rayo Vallecano, Celta, Alméria, Betis, Granada e Watford.
“Na minha decisão final pesou muito Eu gosto do projeto e eu gosto do clube, a decisão foi pensado com a família”, acrescentou.”Agora eu tenho que me colocar para trabalhar e eu vim trazer a minha experiência, meu conhecimento e caráter para conseguir o que todos nós queremos, que é voltar para a categoria que o clube merece”, sublinhou.

Iriney confirmou que está bem fisicamente “para ajudar a equipe.””Na verdade eu sou um cara, e eu não posso esperar para vestir a camisa do treinamento e estar com os meus companheiros de equipe para, imediatamente, dar o próximo passo, que é o de contribuir onde gosto de estar no campo e na competição”, ele indicado. Iriney destacou que para promover “a coisa mais importante é que o seu guarda-roupa é um grupo unido”, e afirmou que seu propósito em vir para a ilha é “sorriso de novo.””O que eu quero é ser feliz fazendo o que eu amo, que é jogar futebol. Saibam que Maiorca tem uma boa equipe e todo mundo me diz que este é um lugar maravilhoso e estou muito feliz por estar aqui”, ele observou o novo jogador mallorquinista.

Redação Jornal de Humaitá

O conteúdo do site tem expressa autorização de publicação desde que informe a fonte.

Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas
Carregar mais artigos relacionado
Carregar mais em Jornal de Humaitá

Deixe uma resposta

Verifique também

MPT encontra indícios de demissão discriminatória por idade na Estácio de Sá

Levantamento feito em uma lista de 77,8% dos professores dispensados mostra que eles têm m…