A coordenadora de Obras Hidroviárias do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit/Brasília), engenheira Andreia Barnez, reunirá, esta semana, com a secretária de Infraestrutura, Waldivia Alencar, para definir, por meio de Licitação, a empresa que vai executar os serviços remanescentes do porto de Itacoatiara, cuja licença de funcionamento concedida pela Capitania dos Portos vence no final de março.

A informação é do presidente da Comissão dos Portos da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Cabo Maciel que acompanhado do vereador de Itacoatiara, Richardson Rodrigues Araújo, o Richardson do Mutirão (PR), reuniu, nesta segunda-feira (24), com o Superintendente Regional do Dnit/AM, engenheiro José Fábio Porto Galvão.
Cabo Maciel informou que a empresa vencedora terá um prazo e a responsabilidade de apresentar os cálculos da parte civil e naval da obra, e o reajuste de fundeio dos serviços remanescentes em cumprimento aos itens do memorial descritivo, exigidos pela Capitania dos Portos.
Texto: Assessoria do Deputado
O conteúdo do site tem expressa autorização de publicação desde que informe a fonte.
Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas
faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Amazonas

Leia mais

‘DÃO’ é preso novamente por Tráfico de Drogas

Força Tática do 4ºBPM efetuou a detenção de PEDRO BRAGA RAMOS vulgo ‘DÃO’, …