© Fornecido por Carplace NSX – Detroit

Os norte-americanos interessados no superesportivo NSX terão que desembolsar pelo menos US$ 156 mil, valor que equivale a mais de R$ 610 mil em conversão direta. Vendido sob a marca Acura, divisão de luxo e apelo mais esportivo da Honda, só aceitará as primeiras encomendas em fevereiro.

Mas haverá apenas uma chance para quem quiser ser o primeiro no mundo a levar a novidade para sua garagem. Em janeiro, a Honda venderá a primeira unidade e destinará o dinheiro para caridade.

© Fornecido por Carplace NSX-Detroit-19

O conjunto mecânico dessa fera japonesa é formado pelo motor V6 twin-turbo montado longitudinalmente que gera 550 cavalos de potência. Além dele, há também três motores elétricos que enviam mais potência para os eixos, totalizando assim 573 cv.

© Fornecido por Carplace NSX-Detroit-19

Dois dos motores elétricos são montados na frente para vetorização de torque, enquanto o terceiro motor de acionamento direto está localizado na parte de trás, entre o motor a combustão e a caixa de dupla embreagem com nove marchas.

O NSX conta com rodas dianteiras de 19 polegadas e traseiras de 20, com pneus 245/35Z R19 e 295/30Z R20, respectivamente, e pinças de seis pistões na dianteira e quatro na traseira acopladas a discos de freio de cerâmica de carbono.

Por lá, o NSX vai competir com Audi R8 e McLaren 570S, ambos mais caros em suas versões de entrada. Para CARPLACE, executivos confirmaram a possibilidade de vender o superesportivo no Brasil. No entanto, a variação cambial que elevou o patamar do dólar pode fazer o preço passar a ser um impeditivo.

Fotos: Acura NSX

Fonte: msn.com

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Arte

Leia mais

Por que demitir pode não ser a melhor estratégia?

Segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) o Brasil encerrou o …