Câmara de Humaitá (41)Humaitá/AM – Com a Sessão Plenária na Câmara Municipal reduzida por falta quórum, haja vista, as visitas comunitárias no interior às vésperas das eleições municipais. Na data de ontem (24/05/2016), na cidade de Humaitá/AM, mais uma vez os ditos cujo, Ley Siqueira e Joel Guerra (vereadores), travaram uma discussão e trocaram ofensas, e por pouco não entraram em luta corporal ao debaterem as reivindicações dos professores municipais que requerem aumento salarial e o cumprimento da data-base pelo Executivo Municipal.

A briga pela manutenção do poder começa aflorar uma disputa que promete ser acirrada e recheada de acusações, demonstração do nível cultural político a qual somos vítimas diuturnamente. Vereadores eleitos para defender os interesses da população na busca por soluções econômicas, sociais e ambientais, no entanto, são verdadeiros defensores dos interesses pessoais, e que fazem dessa função tão nobre, um cemitério fétido de corrupção. O Vereador é a pessoa eleita pelo povo para cuidar do bem e dos negócios do povo em relação à administração pública, ditando as leis necessárias para esse objetivo.

Não é a primeira vez que ambos (Ley Siqueira e Joel Guerra) utilizam de suas funções para desprestigiar o cidadão que depositou o voto de confiança e de esperança. Em outras oportunidades, os mesmos envolvidos, já entraram em atrito corporal e verbal, desrespeitando o Plenário da Câmara, sem que houvesse um medida punitiva contra os maledicentes. Desta vez, a população exige uma apuração por parte do Presidente da Câmara Municipal (Vereador Ray) e de forma transparente, haja vista, a reincidência de ambos no cometimento de conduta não republicana.

*Jornal de Humaitá – Com informações da assessoria.

Atualizado – 25/05/2016 às 14:25 h

Carregar mais artigos relacionado
Carregar mais em Destaque
Comentários estão fechados.

Verifique também

MPT encontra indícios de demissão discriminatória por idade na Estácio de Sá

Levantamento feito em uma lista de 77,8% dos professores dispensados mostra que eles têm m…