Humaitá/AM –  O prédio onde funciona o Conselho Tutelar, rua 05 de setembro – Centro, era de propriedade do Banco Bradesco, mas, após doação pela empresa privada à Prefeitura Municipal de Humaitá/AM todas os custos e impostos com as casas passaram para a responsabilidade da administração municipal, especialmente, o pagamento de energia elétrica.

No entanto, ontem (24/08) a Empresa que fornece energia elétrica após inadiplência pela Prefeitura Municipal de Humaitá/AM de 20 (vinte) contas em atraso, totalizando R$ 3.398,81 (Três mil, Trezentos e noventa e oito reias e Oitenta e um centavos) cortou a energia elétrica do prédio onde funciona o Conselho Tutelar.

Foto: Conta em atraso
Foto: Conta de Energia Atrasada

 

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Destaque
Comments are closed.

Check Also

Vulgo ‘Dois Reais’ é preso com munição cal.40 em Humaitá

Força Tática do 4°BPM (Humaitá) efetuou a prisão de Jhon Vagner Souza da Silva, 26 anos, m…