Mais de 1,3 mil professores da rede pública estadual de ensino concluíram o Programa de Formação Continuada lato sensu em nível de Especialização nas áreas de Língua Portuguesa, Geografia, História, Biologia, Ciências Naturais, Sociologia, Artes, Educação Física, Física, Filosofia, Matemática, Química e Gestão do Currículo e Desenvolvimento de Práticas Pedagógicas. Com carga horária de 360 horas, o programa foi ofertado em regime de parceria entre a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc) e disponibilizado aos educadores da rede pública estadual que atuam em Manaus e nos municípios de Tefé, Tabatinga e Parintins.

Nesta quinta-feira (25), será realizada uma solenidade para entrega dos primeiros certificados do curso de especialização aos professores que atuam nas escolas estaduais da zona sul de Manaus (Coordenadorias Distritais de Educação 1 e 2).

A cerimônia de certificação acontecerá às 17h, no auditório do Instituto de Educação do Amazonas (IEA), localizado na rua Ramos Ferreira, s/n, Centro, zona sul e contará com a presença da secretária executiva adjunta da Capital da Seduc, Izabel Carvalho, e do Pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UEA, Valteir Martins.

Conforme cronograma a ser definido pela Seduc, serão entregues os certificados para os professores que atuam nas escolas das zonas centro-sul, centro-oeste e oeste (Coordenadorias 3 e 4); zona leste (Coordenadoria 5); zona norte (Coordenadoria 6 e 7). A entrega dos certificados para os educadores do interior do Estado serão entregues em cada município.

Oportunidade – O Programa de Formação Continuada lato senso em nível de Especialização teve como foco oportunizar aos professores uma aprendizagem significativa e reflexiva, voltada para a melhoria dos indicadores dentro de uma política de valorização nas diversas áreas do conhecimento.

De acordo com a gerente de Elaboração de Projetos, Acompanhamento e Avaliação da Qualidade da Formação da Seduc, Dayse Abreu, com a conclusão do curso de especialização, os professores têm mais uma formação que os auxiliará a desenvolver um trabalho de maior qualidade nas escolas públicas estaduais.

“Com essa formação, os professores ampliaram o nível de aprendizado nas áreas em que atuam. Isso se refletirá diretamente na qualidade do trabalho que vem sendo executado nas escolas estaduais, favorecendo o processo de ensino e aprendizagem dos nossos estudantes”, destacou Dayse Abreu.

*Jornal de Humaitá – Com informações da assessoria.

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Brasil
Comments are closed.

Check Also

Vulgo ‘Dois Reais’ é preso com munição cal.40 em Humaitá

Força Tática do 4°BPM (Humaitá) efetuou a prisão de Jhon Vagner Souza da Silva, 26 anos, m…