Humaitá-AM. Nesta sexta-feira (28) a XXIX EXPOHUMA foi agitada para todos os agentes de segurança pública do município, o álcool foi apontado como principal causa das brigas de galeras, trânsitos e acidentes. PRF, PM e PC registraram inúmeras ocorrências.

Populares que acompanharam as comitivas informaram que brigas de galeras, brigas de trânsitos e acidentes estavam acima do normal e que os infratores se dispersavam e tomavam rumo ignorado quando policiais militares chegavam.

Carro desgovernado atinge várias pessoas

Um automóvel Fiat Strada saindo do Parque de EXPOHUMA, ficou desgovernado e atingiu várias pessoas que estavam na ‘Comitiva Gato de Botas’. Entre as vítima estão vários adolescentes. Eles sofreram ferimentos e foram socorridos no Hospital Regional de Humaitá.. (vejá materia completa)

HOMEM FICA DESACORDADO APÓS CHUTES E SOCOS.

De acordo com populares por volta das 22:30 um homem foi agredido com chutes, socos e garrafadas na cabeça. A polícia  Militar isolou o local e acionou socorro médico, a vítima ficou desacordado e foi literalmente lixado. A vítima que não teve o nome divulgado estava se divertindo com amigos no galpão quando foi atacado de surpresa por vários homens e espancado até perde a consciência. Os suspeito fugiram em rumo ignorado. ( Veja Vídeo)

 

DELEGADO DESABAFA NAS REDES SOCIAIS 

A cavalgada foi excelente, nenhum problema no percurso. Infelizmente, já dentro do Parque, ocorreu aquela tragédia. Tô virado, sem conseguir dormir…tonto e triste com tudo que ocorreu.

Lamento profundamente pelo pelos familiares das vítimas atropeladas e lamento também pela família da senhora que os atropelou.

Ela cometeu um crime de trânsito e o pessoal cometeu outros crimes em razão disso. Agrediram coletivamente essa família e destruíram seu carro. Foi complicado para controlar…

Entendo as duas partes e me coloco no lugar de todos, afinal sou filho, pai e esposo também. Imagino que não foi e não está sendo fácil pra nenhum deles. Ninguém sai de casa destinado a atropelar ou agredir alguém.

Saíram para se divertir e ocorreu essa fatalidade. Agora, que todos arquem com as consequências policiais e jurídicas de seus atos.

Para mim, não como delegado, mas como um cara que ama essa cidade, foi uma vitória a proibição das motos. E quero parabenizar ao povo que respeitou a proibição.

Mas já iniciei minha luta para ter uma vitória maior ainda: acabarmos com os carros na cavalgada ou, em uma análise mais profunda, acabarmos com a própria cavalgada. Pois corremos o risco de tirarmos os carros e termos acidentes com cavalos ou entre os brincantes das próprias comitivas. A Delegacia lotou em razão do atropelamento e das várias brigas ocorridas dentro do parque.

Sei que é um evento cultural de nossa cidade e que todos esperam o ano todo por ele. Porém, se não estão sabendo gerenciar bebida e diversão, que acabe, pois o que não pode continuar acabando são as vidas de nossos irmãos.

Precisamos ponderar interesses. O que será mais importante: lucro e diversão em detrimento de vidas que se vão ou sequelas que ficarão?

Infelizmente, a relação das pessoas com o álcool não tem sido boa e eu não acredito que consigamos proibir bebidas alcoólicas na cavalgada. Ou acabamos com os carros ou acabamos com a cavalgada, lamentavelmente.

Precisamos construir juntos o evento do ano que vem, em segurança e absoluto respeito às leis, sejam elas de trânsito ou penais. E precisamos todos pensarmos a Humaitá que queremos, pois não podemos também sacrificar a diversão de milhares em razão de meia dúzia que não se relaciona bem com o álcool.

Pra refletirmos: ano que vem somos todos vítimas em potencial.
Palavras do Delegado MARCOS REZENDE

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Cidades
Comments are closed.

Check Also

Vulgo ‘Dois Reais’ é preso com munição cal.40 em Humaitá

Força Tática do 4°BPM (Humaitá) efetuou a prisão de Jhon Vagner Souza da Silva, 26 anos, m…