A Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), unidade vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (Susam), foi a única da região Norte, entre dez instituições brasileiras credenciadas, a integrar o acervo da Biblioteca Virtual em Saúde, Prevenção e Controle do Câncer (BVS), criada pelo Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), órgão do Ministério da Saúde.

Através dela, será disponibilizada toda a produção científica assinada pela Fundação, unidade considerada referência em cancerologia na Amazônia Ocidental, explicou o diretor-presidente da unidade hospitalar, cirurgião oncológico Marco Antônio Ricci. O endereço do acervo é o http//controlecancer.bvs.br
A diretora de Ensino e Pesquisa da FCecon, Dra. Kátia Luz Torres, ressalta que serão disponibilizados, após a autorização dos autores, os resumos expandidos dos estudos desenvolvidos na instituição nos últimos anos, parte deles a partir do Programa de Apoio à Iniciação Científica (Paic) – que recebe o suporte da Fundação de Amparo à Pesquisa do Amazonas (Fapeam), além dos estudos apresentados nas três edições do Congresso Pan Amazônico de Oncologia, realizado pela Fundação nos anos de 2011, 2013 e 2015, em Manaus.
 
De acordo com ela, a iniciativa visa ampliar o acesso aos trabalhos, cujas conclusões ficavam basicamente restritas a publicações em anais de eventos e sites especializados no Brasil e em outros países. Uma parte dos trabalhos, explica a diretora, não chegou a ser publicada em revistas científicas e, com a Biblioteca Virtual, ganharão mais visibilidade. A plataforma também servirá como fonte para novas pesquisas na área da saúde, especialmente em oncologia.
Comitê Executivo – A Fundação também passará a integrar o Comitê Executivo do projeto, que é desenvolvido através de um trabalho colaborativo entre as instituições de referência. “Serão feitos treinamentos sobre o fluxo da produção científica aos pesquisadores e, em um segundo momento, para os responsáveis em alimentar o banco de dados, trabalho que inicialmente ficará a cargo de um responsável do Inca”, salientou Kátia Torres.
A Biblioteca possibilitará o acesso a informações de qualidade e será um local estratégico de discussão e aprimoramento para profissionais e interessados no tema. Segundo a responsável técnica pela Biblioteca no Inca, Camila Melo, a ideia é “estimular o uso da biblioteca virtual para a promoção de novas pesquisas”. A plataforma reunirá materiais bibliográficos, da biblioteca do Ministério da Saúde, de controle de câncer e outras bases de dados, legislação federal, sites de internet e eventos e terminologia. Serão publicações, artigos, posters apresentados em eventos, relatórios, palestras, aulas, além de materiais audiovisuais e notícias sobre temas como prevenção e os fatores de risco do câncer, tratamento, tipos de câncer, cuidados paliativos, saúde da mulher e epidemiologia.
Load More Related Articles
Load More In Amazonas
Comments are closed.

Check Also

Filho ilustre de Humaitá é preso na 2º fase da operação Maus Caminhos

Manaus.  Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (13) a segunda fase da Operação Maus…