Desde que a operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou, em 16 de dezembro, foram registrados 25 acidentes com 29 feridos e cinco óbitos nas rodovias federais que cortam o estado de Rondônia. . No ano passado, no mesmo período foram registrados 34 acidentes, 32 feridos e 4 mortes.

A operação ‘Rodovida Cidades’ conta com a integração dos órgãos e busca intensificar a fiscalização e diminuir mortes no trânsito nessa época em que é comum o aumento de movimentação nas estradas, em virtude das férias escolares, as festas de final de ano e carnaval. A falta de atenção e a imprudência continuam sendo as causas mais comuns dos acidentes.

As ocorrências mais registradas durante esses dias foram excesso de velocidade e embriaguez ao volante. A PRF vem intensificando as fiscalizações e as campanhas educativas, como o uso de cinto de segurança, o transporte seguro de crianças, ultrapassagem indevida, além de combater a embriaguez ao volante e o excesso de velocidade, que são as principais causas de acidentes com vítimas fatais.

As ações intensas da PRF devem acontecer diariamente até o dia 5 de março de 2017. Lembramos que os os bebês de até um ano de idade devem ser transportados no bebê conforto; de 1 a 4 anos, na cadeirinha; crianças de 4 a 7 anos, no assento de elevação; de 7 a 10, no banco de trás, utilizando cinto de segurança; somente após 10 anos a criança pode andar no banco da frente.

Natal chuvoso aumenta riscos Os motoristas devem estar cientes que poderão enfrentar a chuva nas rodovias e estar preparados, pois estamos em um período chuvoso.

A Polícia Rodoviária Federal recomenda aos motoristas que, sob chuva, reduzam a velocidade, aumentem a distância do veículo à frente e mantenham os faróis acesos. Um dos maiores problemas provocados pela chuva é a aquaplanagem, situação em que o veículo perde a aderência dos pneus com o solo. Nestes casos, o motorista deve utilizar o freio motor (redução da velocidade com a utilização do câmbio) e não acionar o freio, que pode provocar derrapagens.

Caso o motorista seja surpreendido por chuva muito forte, que cause redução de visibilidade, é fundamental que se utilize o sistema de iluminação do veículo e siga em velocidade compatível até alcançar local seguro de parada, como os recuos e postos de gasolina. Muitos acidentes acontecem por causa de usuários de rodovias que estacionam seus automóveis no acostamento esperando que a chuva diminua.

É importante também que o motorista esteja atento as mudanças no Código de Trânsito. No dia primeiro de novembro deste ano, entrou em vigor a Lei nº 13.281, que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre as mudanças estão o reajuste dos valores de infrações de trânsito, a alteração da categoria da multa por dirigir utilizando telefone celular e por estacionar em vagas de deficientes e idosos. Além disso, se recusar a fazer o teste do bafômetro caracteriza infração e alteração no tempo de suspensão do direito de dirigir.

Também é válido lembrar que as multas tiveram seus valores reajustados em até 66 porcento.

*Jornal de Humaitá – Com informações da assessoria.

Load More Related Articles
Load More In Amazonas
Comments are closed.

Check Also

Filho ilustre de Humaitá é preso na 2º fase da operação Maus Caminhos

Manaus.  Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (13) a segunda fase da Operação Maus…