Heroís no combate ao crime corre sérios riscos de vida.

Manaus — A falta de recursos que assola o estado atinge também a PM. mais de 80% dos coletes à prova de bala, que têm validade de cinco anos, estão vencidos. Com o estado sem dinheiro para comprar novos, policiais são obrigados a usar equipamentos antigos. Fontes ouvidas pelo JHCP revelaram também que a manutenção dos veículos é precária principalmente no interior. E os carros usados no patrulhamento estão ficando parados para economizar combustível.

Após um incidente na noite de ontem (09), onde um sargento da PM foi baleado no abdome com um colete vencido policiais militares informaram que a pouco mais de uma no vem reivindicando equipamentos novos, não e de hoje que o governo sabe que os coletes vencidos põem em risco a vida dos policiais. Segundo eles, a falta de manutenção desses equipamentos faz com que eles deixem de ser bons para uso antes mesmo dos cinco anos.

FARDA É PAGA DO PRÓPRIO BOLSO

Outro problema enfrentado pelos cabos e soldados da PM-AM é o mau estado das fardas. Eles contam que tem que pagar do próprio bolso o uniforme, que sai no valor de R$ 160.

— Tive que comprar a farda porque a minha ficou rasgada durante uma operação e o DIP informou que não há verbas para a troca — disse um policial.

Outros que não admitem pagar do próprio bolso a roupa de trabalho acabam usando uniformes rasgados e surrados.

— Eu não aceitei pagar a minha própria farda — disse um outro PM. — Estou com esta aqui há cinco anos. De tanto que lavei, a roupa não é mais azul, ficou roxa.

Sobre a economia de combustível, policiais militares contam que recebem ordens até mesmo para não usar o ar-condicionado dos veículos. Nesse quadro de corte de custos, as rondas têm sido reduzidas.

— Antigamente, a gente enchia todo dia o tanque das viaturas — contou um PM na Zona leste. — Agora não. Temos ordens para abastecer e utilizar somente alguns litros de gasolina por viatura durante toda a semana. Por isso, a determinação é ficarmos baseados em pontos estratégicos e só nos deslocarmos para atender ocorrências recebidas pelo 190.

Policiais destacam que o procedimento prejudica a prevenção dos crimes e que sofre e a população:

— Quando o governo não dá a quantidade de combustível necessária para que a PM possa fazer seu trabalho, a segurança da sociedade fica prejudicada.

Veja: Bala atravessa colete vencido de polícial em Manaus

*Jornal de Humaitá – O portal de notícias do Amazonas

Carregar mais artigos relacionado
Carregar mais em Amazonas
Comentários estão fechados.

Verifique também

Crescimento do PIB confirma acerto das reformas

A revisão da estimativa oficial de crescimento do PIB brasileiro, para 1,1% em 2017 e 3% e…