Fazer um trabalho gastronômico detalhado com eficiência e muita qualidade é incontestável, disso ninguém tem dúvida, principalmente dentro do Estado do Amazonas onde a culinária é rica e bem aproveitada com seus diversos ingredientes. E fazer este trabalho com um grande conhecimento gourmet, com ótimos preços e um espaço totalmente feito por madeiras de barcos que percorreram os rios amazônicos? Quer algo mais sustentável que isso? Em Manaus você já pode desfrutar de um espaço deste, tanto para conhecer a carta das variadas bebidas que o local dispõe como aproveitar de seu rico e completo cardápio que o Restaurante Batelão Brasserie oferece.

Isso mesmo, o local já está funcionando na cidade de Manaus, no bairro Vieiralves, no início da João Valério – Nossa Senhora das Graças. A partir desta segunda, 03 de Abril, a casa oferece fora o cardápio variado o Buffet Fit no almoço. A mobília é originária do barco Cristo Rei arrematado pelos sócios; Alex Pires, Daniel Pereira e o renomado Chef Marcelo Novaes, especialmente para ser usado na decoração do balcão, passando pelas mesas e cadeiras, até a escada que conduz ao segundo andar. Toda a obra durou perto de cinco meses para ficar pronta.

Verifique, até hoje é possível ver as marcas de tinta da pintura original do barco Cristo Rei na madeira do balcão do restaurante Batelão Brasserie. O espaço traz os grafites de Marcelo Vasconcelos na parede, dando ao ambiente uma atmosfera cosmopolita, que contrasta com o cheiro amadeirado que exala dos móveis de itaúba.

Origem do nome

O nome do restaurante Batelão é remete às embarcações que percorrem os rios amazônicos vendendo mercadorias aos municípios e comunidades mais distantes. O Batelão representa nossa terra, nossas raízes, sabores e valores. Já o Brasserie, palavra francesa que significa cervejaria, veio como uma forma de mostrar que não é apenas um ambiente regional, mas também moderno, apostando em um segmento que investe em lounges para que os clientes possam ter conversas descontraídas enquanto consomem. Este nome representa os restaurantes com cardápios fixos na França, termo usado por mais de 100 anos na Europa para definir restaurantes modernos porém, com clima mais relaxado e informa, virou tendência nos últimos anos no Sul do Brasil, representa a alta gastronomia e bom gosto.

Na Cozinha

Na cozinha, o cardápio contemporâneo tem a assinatura do chef Marcel Novaes, 40, com pelo menos 14 desses como gastrônomo, e mistura a culinária asiática, francesa, brasileira, aliando sabor e técnica. Novaes já trabalhou com os famosos chefs Érick Jacquin e Bel Coelho. Aos clientes oferece pratos com os peixes surubim, dourado, ou salmão negro, e o carré de javali com mouselline de cenoura. Um dos destaques da casa é a sobremesa “sonho de criança”, que reúne algodão doce, minichurros, macarron e o mil folhas de tiramissu.


Assessoria de Imprensa: F5 Comunicação e Eventos

Contatos: 92 99482-9400

Jornalista Responsável: Hugo Araújo

E-mail: f5nacomunicacao@gmail.com

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Jornal de Humaitá

Leia mais

Quadrilha especializada em roubos e sequestros-relâmpago de Rondônia é presa em Humaitá-AM

Policiais Militares da Força Tática em Humaitá no sul do Amazonas, efetuaram a detenção de…