Jornal de Humaitá

Troca de conhecimentos no Encontro dos Professores de Química da SEDUC

Troca de conhecimentos no Encontro dos Professores de Química da SEDUC

O Encontro de Professores de Química do Amazonas, ocorrido n amanhã desta quinta-feira, 10, no Auditório do Centro de Treinamento Padre José de Anchieta(Cepan) reuniu 185 professores que assistiram às palestras de “Letramento midiático e científico para as novas gerações”, ministrada pelo professor doutor Agnaldo Arroio (USP), e também “Química verde e o currículo escolar”, ministrada pela professora doutora, Rafaela da Conceição Nascimento, (EBQV) e abordaram temas atuais voltados para a área.

A secretária Executiva Adjunta Pedagógica da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), Luciana Lima de Brito Cáuper, e o presidente da Associação Brasileira de Química (ABQ), Robério Fernandes Alves de Oliveira, foram os anfitriões do evento.

A conferência de professores de química teve a finalidade de propor estratégias pedagógicas para melhorar as práticas e o compartilhamento de conhecimento curricular dos docentes, tendo em foco temas atual no ramo e promover uma maior socialização entre professor e aluno. Os palestrantes deram espaço para os professores tirarem suas dúvidas, e no intervalo os professores prestigiaram a apresentação de dança dos alunos da Escola Estadual de Tempo Integral (EETI) Engenheiro Professor Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo.

O presidente da ABQ, Robério Fernandes Alves de Oliveira, falou sobre a constante atualização e reciclagem que o professor de química deve ter, “Eu sou um engenheiro químico que foi motivado por um professor, mas é importante que os professores tenham condições de trabalho e possam estar constantemente se atualizando, assim eles irão poder mostrar a beleza e a importância da química para as novas gerações”, frisou o presidente.

A secretária Luciana Cáuper destacou a importância do evento para os professores. “Um evento como esse reúne profissionais da química de todo o Estado e esses profissionais possuem metodologias que aplicam em sala de aula. Aqui vamos trabalhar a troca de experiências, é um enriquecimento de informações que eles irão levar para aplicar na sua sala de aula, resgatando o conhecimento tradicional alinhado ao científico”, declarou.

Comentários

Comentários

Click to add a comment

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Leave a Reply

Jornal de Humaitá

More in Jornal de Humaitá

Alunos estaduais participam de mostra de alimentação saudável

Jornal de Humaitá24 24America/Manaus novembro 24America/Manaus 2017
black fridey botão

Como transformar clientes da Black Friday em defensores de sua marca?

Jornal de Humaitá24 24America/Manaus novembro 24America/Manaus 2017

Indústria automotiva precisa questionar qual será o seu papel no futuro

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Veja: Ainda dá tempo de ter o próprio negócio em 2017

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Urgente! Adolescente é apreendido suspeito de homicídio em Manicoré-AM

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

José Ricardo volta a cobrar instalação da CPI da Saúde

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Safra do guaraná em Maués (AM) já rendeu 200 toneladas

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Em Manicoré, menor de 15 anos é apreendido pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e ameaça

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017

Polícia Militar prende homem suspeito de trocar tiros com facção rival em tapauá

Jornal de Humaitá23 23America/Manaus novembro 23America/Manaus 2017
Seja bem vindo.

Categorias

Arquivos

Copyright © 2017 Jornal de Humaitá