Forças de Segurança Pública, Forças Armadas, e demais Órgãos envolvidos na Operação Semana da Pátria e do Amazonas 2017 divulgaram, nesta quinta-feira (31), as alterações no trânsito e os perímetros de segurança que serão aplicados durante os desfiles cívico e militar entre os dias 01 a 07 de Setembro.

É a primeira vez que as ações na Semana da Pátria serão coordenadas a partir do Centro Integrado de Comando e Controle para acompanhamento de serviços integrados de segurança ostensiva, judiciária, ambiental, socorro, trânsito, defesa civil e inteligência. Mais de dois mil servidores de 41 órgãos das esferas federal, estadual e municipal irão atuar na Operação.

Tendo em vista os impactos dos eventos na mobilidade urbana, a Operação tem como principal foco o ordenamento dos locais próximos aos eventos cívicos e militares. Com eventos programados para os dias 1, 5, 6 e 7, locais como Ponta Negra e adjacências do Sambódromo sofrerão intervenções, desvios e barreiras.

Segundo o secretário executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada, cel Dan Câmara, as intervenções permitirão o ordenamento do trânsito nos locais onde ocorrerão eventos. “Somente para o desfile já é feito uma Operação de Segurança por conta do público que participa e que assiste, e é importante que as intervenções no trânsito sejam planejadas para que o impacto na mobilidade pública seja o mínimo possível”, afirmou.

Um CICC-Local será instalado no Sambódromo e na Ponta Negra para monitorar os desfiles e movimentações. Eles estarão ligados ao CICC Regional, no Aleixo, que receberá imagens e informações em tempo real.

Mais de 60 mil pessoas são aguardadas para os eventos cívico e militar nos três dias. No dia 1º ocorrerá a corrida do fogo e acendimento da Pira na Ponta Negra, no dia 5 é a vez do desfile escolar no Sambódromo, no dia 6 ocorrerá o desfile Naval na Ponta Negra e no dia 7 o desfile militar, também no Sambódromo.

Intervenções

O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) terá postos de controle com a presença de agentes para monitorar o trânsito e o acesso de veículos, pedestres e moradores às áreas no entorno dos desfiles.

Já a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), montará um esquema operacional para monitorar as linhas de ônibus nos eventos.

No dia 1º de setembro, na Ponta Negra, haverá interdição do trânsito no sentido Bairro – Centro. A avenida Cel Teixeira, entre as rotatórias do Tropical Hotel e da Ponta Negra, permanecerá interditada até o término do Desfile das Escolas da Rede Municipal de ensino, à tarde.

No dia 5, as vias que contornam o complexo do Centro de Convenções (Sambódromo), Centro de Convenções Vasco Vasques e Arena Amadeu Teixeira, serão interditadas em quatro pontos: Av. Constantino Nery com Av. Pedro Teixeira, Av. Constantino Nery com Rua Lóris Cordovil, Av. Pedro Teixeira (em frente à Vila Olímpica) e rua Lóris Cordovil (em frente ao SPA). O perímetro no dia 05 será montado a partir das 14h.

No dia 7 de setembro, a avenida Constantino Nery estará interditada no trecho entre a Rua João Valério e Viaduto de Flores nos dois sentidos. O Transporte Coletivo nesse dia será desviado para a Av Djalma Batista, Theomario Pinto da Costa e Desembargador João Machado. O perímetro no dia 07 será montado a partir das 05h da manhã.

Na terça-feira (5) e quinta-feira (7), a partir das 5h da manhã, estarão instalados postos de controle nas vias Av. Pedro Teixeira, D. Pedro, Av. Torquato Tapajós, Av. Constantino Nery, Av. Djalma Batista, Av. Darcy Vargas e rua Lóris Cordovil. No dia 5 serão 12 postos de controle e no dia 7 serão 30 postos.

Os acessos para áreas de estacionamento da Vila Olímpica, estacionamento atrás da Arena Amadeu Teixeira e estacionamento VIP (Sambódromo) serão realizados somente com Credenciais para as autoridades, veículos de serviço e veículos militares.

Ações de Segurança:

Além das ações na mobilidade urbana, a Operação prevê ações Segurança em toda a cidade e de fiscalização em pontos estratégicos de saídas da capital, nas rodovias AM-010 e BR-174 e na ponte Rio Negro.

O policiamento será reforçado em áreas de grande concentração de pessoas para coibir roubos, bem como haverá ações de fiscalização, controle e ações preventivas.

Fazem parte da Operação a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, por meio da Secretaria Executiva-Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada (Seagi), Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento Estadual de Trânsito (Detran/Am), Exército, Marinha, Aeronáutica, Secretaria de Educação e Qualidade de Ensino (Seduc), Secretaria Municipal de Educação (Semed), Manaustrans, Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), entre outros.

FOTOS: William Rezende

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Amazonas

Leia mais

Saiba o que muda com o desligamento do sinal analógico de TV

Sinal será desligado na região de Manaus em 30/5, mas o sinal digital já está disponível e…