Instituição chega a Bahia levando 08 bibliotecas para serem entregues em escolas públicas da periferia de Trancoso como proposta de turismo cidadão

Alunos da Escola Municipal Benedito Leite em Barreirinhas/Maranhão

O movimento LêComigo – encabeçado pelos jovens irmãos Mateus (19 anos), Maria (17 anos) e Pedro (15 anos), que já distribuiu mais de três toneladas livros infanto-juvenis por todo o Brasil – estará em Trancoso dos dias 24 até 28 de setembro a fim de entregar bibliotecas para o Instituto Trancoso, para a Escola Municipal da Sapirara e Escola Municipal Maria dos Anjos.

Junto com Maria, 25 alunos secundaristas da Escola Graduada de São Paulo participarão da expedição que entregará 870 livros infanto-juvenis. A iniciativa teve início com a arrecadação e organização dos exemplares cuidadosamente selecionados e tem como objetivo aproximar jovens de realidades diferentes por meio de um intercâmbio cultural mediado pela leitura.

"Nossa ideia é unir turismo, diversão e ação social porque toda vez chegamos à mesma conclusão: temos muito mais em comum do que diferenças. Além disso, o livro lido tem que circular, ele não é objeto de decoração", explica Maria Foz Caltabiano, gestora da OSC Lê Comigo e ela mesma uma das alunas do colégio.

A excursão sai de São Paulo no dia 23, aporta em Porto Seguro, se desloca até Trancoso com volta marcada para 27 de setembro. Os interessados tanto em contribuir com o projeto quanto em participar de uma das viagens, devem acessar o site www.lecomigo.org.br para maiores informações. A ideia, segundo os idealizadores, é levar as bibliotecas e essa experiência ao máximo de destinos possíveis. A ação está aberta para a participação de outras escolas de todo o Brasil.

Serviço: Expedição LêComigo

Saída: 24/09/2017 do Aeroporto de Congonhas às 07:50h (LATAM linhas aéreas)
Volta: 28/09/2017 do Aeroporto BPS de Porto Seguro às 15:45h (LATAM linhas Aéreas)

Sobre a OSC LêComigo:

LêComigo – www.lecomigo.org.br – é uma instituição sem fins lucrativos que tem como missão democratizar o acesso à leitura ao viabilizar intercâmbios entre jovens de escolas particulares e públicas por meio do encontro de estudantes de realidades diversas. A ação central consiste em ajudar a chegar livros em lugares com pouco acesso a eles no Brasil (focado em crianças e adolescentes). O projeto foi criado em São Paulo e atua em todo o país, especialmente em regiões com carência de equipamentos educativos e culturais.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA OSC LÊ COMIGO
FORMA RP – Flavia Meirelles

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Jornal de Humaitá
Comments are closed.

Leia mais

Brasil conquista pela primeira vez prêmio no Forbes Travel Guide

Belmond Hotel das Cataratas, localizado Parque Nacional do Iguaçu é o primeiro da América …