Com a participação, pela primeira vez, de 500 estudantes de todas as 174 comunidades rurais, indígenas e ribeirinhas da Terra do Guaraná (a 253 Km de Manaus), começa na próxima segunda-feira (6), a 19º edição dos Jogos Escolares de Maués. O evento, realizado pela prefeitura local, tem o recorde de inscritos, com 1,2 mil alunos das redes municipal e estadual de ensino, com idade entre 11 a 16 anos. As competições seguem até o próximo dia 17 de novembro.

No total, são 11 modalidades em disputa e as grandes novidades serão a inclusão das provas de natação, que serão disputadas nas águas do rio Maués-Açu, que banha a sede do município, e o torneio de basquete.

Além destes esportes, também fazem parte da programação os campeonatos de futsal, handebol, vôlei, atletismo, xadrez, tênis de mesa, vôlei de praia, jiu-jitsu e luta olímpica. Todos nas categorias masculino e feminino e subdivididos entre infantil (de 11 a 13 anos) e juvenil (de 14 a 16).

A expectativa dos organizadores é revelar novos talentos como a estudante Natália Leão, de 12 anos, moradora de uma comunidade ribeirinha de plantadores de guaraná que despontou em um torneio municipal realizado no primeiro semestre, e que representou o Amazonas nos Jogos Escolares da Juventude, realizado no mês de setembro em Curitiba (PR), quando foi finalista nacional da prova de 100 metros rasos.

“Depois de muitos anos sem nenhum torneio esportivo para os estudantes, em 2017 a prefeitura voltou a investir forte e os resultados estão começando a aparecer. Já colocamos estudantes em competições de nível nacional e este ano quebramos o recorde de medalhas nos Jogos Escolares do Amazonas (Jeas), que esperamos dobrar em 2018”, destacou o prefeito de Maués, Junior Leite.

Os medalhistas dos Jogos Escolares estão automaticamente inscritos na Seletiva Regional do Baixo Amazonas, prevista para acontecer em maio em um dos municípios da região.

Bom de Nota

Entre as ações realizadas pela Prefeitura de Maués para resgatar a prática esportiva no município está a implantação do projeto “Bom de Nota, Bom de Bola”, no mês de setembro.

Além da promoção e incentivo ao esporte, o programa tem como meta reduzir a evasão escolar no município uma vez que podem participar apenas dos torneios promovidos nos finais de semana, para não prejudicar o rendimento nas salas de aula, os alunos com 70% de frequência, participação ativa em atividades escolares e nenhum problema disciplinar.

Atualmente, o “Bom de Nota” está promovendo dois torneios – Futsal Sub 18 e Basquete de Rua 3×3 – além de ter encerrado no final de outubro, o Festival de Atletismo em cinco comunidades rurais. Até o final deste ano, deverá ser criado ainda, o Circuito Mauesense de Skate.

faça um comentários
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Jornal de Humaitá
Comments are closed.

Leia mais

Era do ouro: Humaitá se torna potência econômica e turística no Amazonas

Cultura, turismo e emprego colocam Humaitá no Mapa do Turismo Brasileiro 2017 foi um ano i…