Portugal Masters, a terceira e última ronda do DP

Tudo em 72 buracos. Francesco Laporta e Renato Barador jogam a sua ‘carta’ para o DP World Tour 2023 no Portugal Masters, a penúltima ronda do Circuito Continental Masculino agendada para 27 a 30 de outubro em Vilamoura.

A quadragésima primeira corrida da temporada foi a última a ter a chance de ficar no DP World Tour do próximo ano. O top 117 vai levar o passe, e esta pode ser a última chance para o Azzurri Laborta e Parador (a menos que haja novos arranjos no ambiente).

Apulian e Roman estão em 121º e 122º, respectivamente, no ranking do DP World Tour e foram convidados a voltar.

Mestres de Portugal, Índice

Mas Dom Pedro vai correr os 7 Blues no Victoria Golf Course.

Ao lado de Laporta e Paratore estão Edoardo Molinari, Filippo Celli, Nino Bertasio, Lorenzo Gagli e Andrea Pavan. Já em sua 16ª edição, o evento premiará US$ 2 milhões. Os italianos ainda não venceram o torneio, no entanto, com Francesco Molinari terminando em segundo lugar em 2009 e 2010.

Na prova vencida pelo belga Thomas Peters em 2021, o escocês Robert McIntyre, o francês Victor Perez, o espanhol Jorge Campillo, o dinamarquês Nicolai Højgaard e o sul-africano Daniel Vaughn estão entre os favoritos ao título. Tonder, britânicos Matt Wallace e Eddie Pepperell, Thai Jazz Janevatananond e Gradek Abiburnrad.

Depois de suas façanhas no Mallorca Open, o destaque também está no alemão Yannick Paul. Entre os portugueses, Ricardo Couvia sonha com uma instituição em casa. Seu irmão Thomas também está em campo. O Portugal Masters é um torneio de golfe, integrado no European PGA Tour, disputado no campo Oceânico Golf Victoria, em Vilamoura.

O torneio existe desde 2007 e é disputado no outono. O Open de Portugal é disputado na primavera. O Curso Victoria foi construído em 2000 por Arnold Palmer. É bastante plano, com quatro lagos saindo de sete buracos.

READ  Portugueses revoltados com chegada de californianos, importando com eles os seus problemas: reportagem

Stephen Dodd e Bradley Dredge, do País de Gales, venceram a Copa do Mundo de 2005 aqui. Depois que o torneio foi disputado três vezes no Oceânico Victoria, Portugal decidiu disputar a Ryder Cup em 2018, junto com Alemanha, França, Portugal, Espanha e Holanda (em holandês).

O Oceânico tem sete campos de golfe, mas a Ryder Cup 2018 vai para França. Em 2014, o torneio consistia em apenas 36 buracos, depois que fortes chuvas inundaram grandes seções do campo plano. Vencedor Alexander Levy 63-61, 18 abaixo do par, incluindo 11 birdies nos buracos par-4.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Jornal de Humaitá