Staycity – Business Traveler para trazer a marca Wild a Portugal

A Staycity pretende trazer a sua marca premium Wild para Portugal.

O grupo vai abrir imóveis no Porto e em Lisboa até ao final de 2024 com 80 e 95 apartamentos, respetivamente.

Uma recepção 24 horas e lavanderia serão fornecidos com cozinha, sala de jantar e áreas de estar, um estúdio com café e academia e apartamentos de um quarto.

Descreveu o Porto como um “importante centro empresarial e industrial” enquanto Lisboa seria “a melhor escolha para os nómadas digitais”.

O CEO da Staycity, Tom Walsh, comentou:

“Estamos muito satisfeitos por abrir estes locais populares portugueses e levar a nossa marca Wild para uma das nossas regiões-alvo europeias que já operam na Alemanha e no Reino Unido.”

“Previsão e refinanciamento cuidadosos significam que saímos da epidemia e estamos prontos para superar com nossa expansão,

“Este ano nossas vendas voltaram aos níveis de 2019, então a recuperação ocorreu mais rápido do que esperávamos.

No início deste ano, o grupo abriu sua terceira propriedade em Londres sob sua marca premium Wild. Localizado em Baddington, Conecta-se aos atuais sites Altgate e Covent Garden. Stacy City também opera Wild Apartments em Berlim, Edimburgo e Manchester.

O grupo abriu propriedades em Dublin, Frankfurt, Manchester e Paris este ano, com outro site chegando em Dublin. Isso trará à empresa um total de 6.000 apartamentos em 32 localidades.

Mais recentemente, O A empresa abriu seu sexto aparthotel Staycity no distrito comercial de La Defense, em Paris, França. A propriedade recém-construída é o terceiro local do Staycity em Paris, e outro está programado para ser inaugurado no próximo ano no Aeroporto Roissy.

Outras inaugurações recentes do grupo incluem propriedades em Dublin, Frankfurt e Manchester, com outro local em Dublin. Isso trará à empresa um total de 6.000 apartamentos em 32 localidades.

READ  Portugal bloqueia venda de casa na 'forte crença' de Abramovich

staycity. com

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Jornal de Humaitá