Portugal oferecerá subsídio único a famílias pobres em meio ao aumento da inflação

Lisboa – O governo de Portugal aprovou um subsídio de 240 euros para mais de um milhão de famílias pobres cujo poder de compra foi fortemente afetado pelo aumento da inflação, disse a ministra do Trabalho, Ana Mendes Coutinho, quinta-feira.

Benefício para famílias que recebem pensão mínima ou salário mínimo, Dez. Mendes Coutinho disse que será entregue até o dia 31.

Ele custará aos cofres do Estado 249 milhões de euros (US$ 266,33 milhões) e será adicionado a um pacote de 2,4 bilhões de euros já anunciado em setembro para ajudar as famílias a lidar com o aumento da inflação e dos preços da energia.

“Temos de garantir respostas adequadas a cada situação. As famílias mais vulneráveis ​​à inflação são as mais afectadas e é muito importante que recebam este subsídio”, disse aos jornalistas.

A oposição criticou o governo por arrecadar receitas fiscais extras em meio a um crescimento econômico sólido e inflação alta, dizendo que está mais focado em reduzir o déficit fiscal.

Os preços ao consumidor subiram 9,9% na comparação anual em novembro, a maior alta em três décadas, mais que o dobro dos 4% previstos pelo governo no orçamento de 2022.

O ministro das Finanças, Fernando Medina, disse à Reuters no mês passado que a economia de Portugal crescerá pelo menos 6,7% este ano, mais rápido do que sua previsão de 6,5%, ajudando a reduzir ainda mais uma das maiores dívidas públicas da Europa e seu déficit.

Mendes Godinho disse que o governo anunciou um aumento de 7,8% no salário mínimo nacional para 760 euros (US$ 806,82) a partir de 1º de janeiro, em acordo com os empregadores e o segundo maior sindicato trabalhista do país. UGT.

READ  Registre 80.000 para o sistema de voucher de combustível

Segundo dados do Ministério do Trabalho, cerca de 900 mil empregados recebem o salário mínimo, atualmente o mais baixo da Europa Ocidental. Portugal tem uma população de pouco mais de 10 milhões.

(US$ 1 = 0,9349 euros)

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Jornal de Humaitá